Imprimir

FFCL promove palestra sobre o Outubro Rosa

banner outubro rosa 2017A Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), instituição mantida pela Fundação Educacional de Ituverava, promoveu na última quarta-feira, 18 de outubro, palestra sobre o Outubro Rosa, voltada a alunos de vários cursos da FFCL.

O evento ocorreu no Salão Nobre da FE e contou com a participação do médico José Ângelo Sicca; do presidente da Associação Comercial e Industrial de Ituverava (ACII), Vicente Paulo Vieira; da administradora da Santa Casa, Cláudia Maria Carreira Frata, professores e outras autoridades.

A palestra foi sobre o Outubro Rosa, incidência e prevenção sobre o câncer da mama.

O movimento surgiu em 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

Durante o mês de outubro, como lembra o palestrante, são organizadas várias ações que pretendem fortalecer a necessidade e a importância da prevenção para um diagnóstico precoce. Também são angariados fundos para pesquisas que estudam a causa, prevenção, diagnóstico, tratamento e cura do câncer de mama.

Iluminação
Uma das características do Outubro Rosa é a iluminação de monumentos importantes com a cor rosa como forma de apoio à causa. No Brasil, o primeiro monumento com esta iluminação foi o Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo, no ano 2002.

Atualmente, são também iluminados outros monumentos, como o Panteão da Pátria Tancredo Neves, Cristo Redentor, além do Congresso Nacional, Palácio do Planalto e vários outros.

O símbolo do Outubro Rosa é um laço ou fita rosa, algo que começou graças à G. Komen Breast Cancer Foundation, que os distribuiu numa corrida de sensibilização do câncer de mama, organizada em 1991 na cidade de Nova Iorque.

O diretor da FFCL, Antônio Luís de Oliveira (“Toca”), fala sobre o evento. “É um assunto de extrema relevância, portanto é muito importante que os alunos conheçam melhor a origem e os objetivos deste movimento. Formar cidadãos conscientes e preocupados com a sociedade também é um dos intuitos da FFCL”, completa.

Fonte: Jornal Tribuna de Ituverava

Veja Também

Prev Next