Imprimir

Palestra sobre Saúde Mental foi realizada em Ituverava

palestra saude mental ffclNa última segunda-feira, dia 20, a palestra sobre “Saúde mental: quebrando estereótipos sobre a loucura” lotou o Salão Nobre da Fundação Educacional de Ituverava. A palestra foi gratuita e aberta ao público e contou com a presença de alunos, professores e funcionários das instituições da Fundação Educacional de Ituverava, médicos, funcionários do CAPS Viver e da Prefeitura, psicólogos, profissionais da área da Saúde, dentre outros.

O objetivo principal da palestra foi ampliar o conceito de saúde mental, quebrar estereótipos sobre a loucura e a importância de que as pessoas se permitam procurar ajuda profi ssional (psicólogos e siquiatras) quando percebem que não estão bem psiquicamente. A palestra foi proferida pelo psiquiatra Dr. Eduardo Figueiredo Jorge e pela psicóloga Flávia Aparecida Diniz Pereira, ambos do CAPS Viver de Ituverava, que também falaram sobre os pontos principais da reforma psiquiátrica no Brasil, que se iniciou na década de 70; sobre as políticas de saúde mental, que possibilitaram o desenvolvimento de serviços como os APS, residências terapêuticas, programa de volta pra casa; sobre a possibilidade de que o tratamento psiquiátrico passasse a ser feito a nível ambulatorial, em convívio com a sociedade e os familiares dos acientes; e também sobre os trabalhos que são realizados em Ituverava pelo CAPS Viver. A prefeita Adriana Quireza Jacob Lima Machado não pode estar presente na palestra, mas falou sobre o evento. “Quero, primeiramente, parabenizar a parceria de todas as instituições que idealizaram esse evento. O tema saúde mental ainda é relacionado com muitos estereótipos e, com a palestra, com certeza, conseguimos esclarecer as dúvidas de todos os participantes e, assim, contribuir para que eles saibam a importância de se estar bem psicologicamente”, declara a prefeita. O evento foi promovido pelo CAPS Viver, da Prefeitura de Ituverava; pela FFCL; pelo Núcleo de Apoio Psicopedagógico e pelo curso de Técnico em Enfermagem da Fundação Educacional de Ituverava.

Fonte: Jornal O Progresso

Veja Também

Prev Next